Cuidados para ter uma franquia em outra cidade

0
2676
imagem lupa sobre o mapa - texto cuidados para ter uma franquia em outra cidade

Explorar novos mercados e expandir a área de atuação do seu negócio são ambições de todo empreendedor. Porém, saber como realizar esse processo é fundamental para que os planos saiam conforme o esperado. Por isso, alguns cuidados devem ser tomados ao planejar montar uma operação de franquia em uma nova cidade.

Quando o dentista Charles Jaete Takaki resolveu abrir uma franquia da OdontoCompany em Três Lagoas (MS), sabia que enfrentaria um grande desafio – mas se preparou para ele. Morador de Santa Fé do Sul, no interior de São Paulo, ele não conhecia quase nada sobre o município escolhido, que fica a cerca de 130 quilômetros de sua cidade. “Eu tinha conhecimentos técnicos na área, mas precisei me informar sobre a infraestrutura da cidade, as empresas lá instaladas, o potencial de geração de empregos e se o público de lá carecia deste tipo de atendimento”, diz Takaki.

Essa cautela e planejamento inicial fizeram com que o empresário tivesse confiança na hora do investimento. Também serviram de base para que a franquia superasse as dificuldades dos primeiros meses de atuação e chegasse aos quase dois anos de operação atuais. “O segredo está em acompanhar de perto o negócio, mesmo estando longe”, diz Takaki. “Vou constantemente para a unidade de Três Lagoas e tenho pessoas de confiança trabalhando comigo, o que me tranquiliza”.

Com esse relato é possível destacar alguns cuidados que todo o franqueado deve ter ao decidir expandir a atuação de sua marca para uma cidade diferente da que foi criada:

• Conheça a cidade – além de ir à cidade para conhecê-la pessoalmente, o franqueado deve procurar mais do que uma paisagem bonita ou clima agradável. Conhecer a cidade onde se pretende investir significa saber sobre o seu potencial econômico. É preciso investigar se ela é apenas dormitório para funcionários de empresas ou indústrias ali instaladas, se gera empregos, qual é o número de habitantes, o perfil da população e dos pontos de comércio existentes. Por fim, é necessário estar a par de questões tributárias e outros pormenores essenciais para o início de uma nova unidade de sua empresa.

• Avalie a concorrência – quando não se vive na mesma cidade em que pretende atuar com novas unidades de franquias, a avaliação da concorrência precisa ser ainda mais minuciosa e frequente. Uma vez que não será possível estar no dia a dia daquele ambiente é necessário estar sempre atualizado sobre os negócios da região. Saber se o mercado está aberto para o seu ramo de atuação e se há espaço para inovações que o diferenciem da concorrência também são pontos importantes para chegar com tudo nessa nova cidade.

• Tenha suporte – procure uma rede de franquias que ofereça suporte para esse tipo de investimento. É sempre bom saber se a franqueadora consegue entregar os produtos ou entregar o suporte necessário, como treinamentos ou supervisões, na cidade em que pretende instalar a marca. Caso contrário, os custos podem acabar na sua conta e o investimento fugirá do plano de gastos previsto inicialmente, inviabilizando o negócio.

COMPARTILHAR