Aplicativos de delivery viram tendência no segmento de alimentação

0
96

Crucial para pizzarias e lanchonetes, o sistema de delivery deixou de ser um diferencial no ramo da alimentação. Este tipo de serviço tornou-se uma necessidade que tem como objetivo adequar os estabelecimentos aos novos hábitos de consumo das refeições pelos brasileiros. E, exatamente por estar na mira de muitos consumidores, o sistema delivery precisa ter qualidade. Para isso, agilidade e bom atendimento, direcionados ao público específico da unidade, devem ser premissas básicas.

São diversos os formatos possíveis para os serviços de entrega de comida hoje, sendo o telefone o mais tradicional de todos. No entanto, uma tendência tem sido explorar os meios de pedidos online, principalmente os aplicativos para smartphones direcionados a este serviço.

Agregador de soluções

Um exemplo interessante desta prática é a do Shopping Metrô Santa Cruz, que implementou um atendimento próprio de delivery por meio do seu site, conectado ao aplicativo Pedidos Já. A iniciativa reúne os cardápios de diversos restaurantes e redes de franquias gastronômicas presentes no espaço, como Spoleto, Pizza Hut, Giraffas’s e Baked Potato, e possibilita atender aos clientes que não podem ir pessoalmente retirar a refeição.

Ideias como esta são muito interessantes para atrair e fidelizar clientes, desde que bem elaboradas. Segundo recomendações do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) para a formatação de um planejamento estratégico de delivery, algumas dicas são fundamentais e precisam ser levadas em consideração para oferecer esse serviço:

  • Entregar sem atrasos – a rapidez na entrega é essencial para que a refeição esteja de acordo com o esperado;
  • Manter cadastro de clientes – este é um mecanismo importante para estabelecer contato com os consumidores e agilizar o processo de atendimento por meio do aplicativo, evitando que haja repetição no preenchimento dos dados;
  • Definir região – mapear onde o seu público está localizado otimiza o serviço de entrega e barateia os custos tanto para a empresa quanto para o cliente.

Tendo estes pontos como norte, a implementação de um serviço de delivery de comida tem tudo para dar certo. E a modalidade não para de crescer. Na avaliação de Julio da Mata, gerente de operações do L’Entrecôte de Paris, a tendência de aplicativos de delivery caminha também para serviços mais sofisticados. “Este serviço, comum no mundo do fast food, começa a surgir como uma tendência para outros tipos de restaurante nas grandes cidades”, aponta. “Alguns estabelecimentos de alto padrão já adotaram serviço de entrega por meio do aplicativo Spoonrocket. Porém, essa ainda não é realidade de muitas operações, o que deixa um bom espaço de mercado a ser aproveitado”.

COMPARTILHAR